quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

PEQUENO COMENTÁRIO SOBRE O CONGRESSO DOS POVOS XUKURUS



Aulas de Campo
Dias 17; 18; 19 e 20 de maio: Congresso dos Povos XUKURU




Nesse momento não foi apenas quatro horas aulas, mas, sim 32 horas aulas que aconteceram na cidade de Pesqueira em Pernambuco, onde formos direto para Aldeia  Xukuru um lugar muito bonito e prazeroso num alto de uma serra com várias  ladeiras imensas, numa  estrada de barro ou de massapé lisa. Foi um encontro muito bem organizado e estruturado para mais ou menos duas mil pessoas (2.000).
Chegando lá nos deparamos com uma multidão de pessoas de várias regiões do Brasil, entre estes, além dos indígenas havia ainda, pesquisadores, jornalistas e repórteres estudantes, professores e lideranças partidária / sindicalista, religiosas e mais a população de Pesqueira prestigiando o evento do povo forte Xukuru.
No primeiro dia 17/ 05 houve uma reflexiva abertura e boas vindas aos participantes e a fala de algumas lideranças, prometendo ser um ato público indígena, mas muito organizado com toda infra-estrutura para receber os convidados. Aconteceram num mesmo espaço, um lindo barracão de palha, uma espécie de auditório indígena que abrigou a todos que estavam presentes. Foram momentos ímpares de aprendizagem, pois tivemos aula com essas pessoas que pertencem à rica cultura indígena. Basta falar que fica difícil de qualificar suas lutas e perseveranças em seus objetivos. Percebi que estes são exemplos de vida para nós professores de Ensino Religioso. Pois enquanto os professores se acomodam... Esse povo corre e vai atrás daquilo que lhes tiraram um dia, que são suas terras e se povo.

REFLEXÃO






Nenhum comentário:

Postar um comentário

HISTÓRIA BÍBLICA SOBRE A PÁSCOA

Textos Diversos