DATA COMEMORATIVA 3 - O DIA DA UNESCO





No dia 16 de novembro de 1945, nasce a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), que surge com a finalidade de contribuir para a paz e segurança no mundo, através da educação, da ciência e da cultura. A ONU consagrou o dia 16 de novembro como o dia internacional da tolerância. Propõe que, nessa semana, em todos os continentes, se façam esforços pelo diálogo e compreensão entre grupos e culturas diferentes. De fato, o mundo atual é cada vez mais pluralista e, a cada momento, através dos meios de comunicação ou da internet ou simplesmente pela convivência na cidade, cada pessoa tem de conviver com outros que vêm de culturas diversas e professam diferentes religiões.
 Para conviver bem é necessário respeitar a diversidade, estar aberto ao diálogo, saber se colocar no lugar do outro, procurar viver em harmonia com todos, principalmente com as diferenças, no sentido de estabelecer a paz no Planeta.
 
“Deus quer que seus filhos e filhas vivam em Paz, como irmãos e irmãs. Ou: Alá quer que seus e filhas vivam em Paz como irmãos e irmãs. Ou então: Javé quer que seus filhos e filhas vivam em Paz, como irmãos e irmãs. Ou ainda: Olorum quer que seus filhos e filhas vivam em Paz, como irmãos e irmãs”.

“Deus, Alá, Javé, Olorum, O Grande Espírito, A Deusa, Brahman... São muitos os nomes pelos quais os seres humanos chamam o Criador. Mas a vontade d’Ele é uma só: que seus filhos e filhas vivam em paz, como irmãos e irmãs”.

“Se é esta a vontade do Criador, quem somos nós para desafiá-la? E, no entanto, nós a desafiamos. Todas as vezes que discriminamos nosso semelhante porque ele pensa diferente, ou faz suas preces de maneira diferente, ou chama o Criador por um nome diferente, nós desafiamos a Sua vontade. Porque ele deu a seus filhos e filhas a maior de todas as graças: a capacidade de pensar. De pensar livre. De pensar diferente”.
            
     (Cartilha: Diversidade Religiosa e Direitos Humanos).
SHARE
    Blogger Comentarios
    Facebook Comentarios

0 comentários:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial